quinta, 20 outubro 2016 11:10

Schiaparelli: Allô Marte?

 

exomars.jpg

A Agência Espacial Europeia (ESA) e a congénere russa Roscomos ainda não puderam confirmar o sucesso da missão Schiaparelli, que esta quarta-feira penetrou na órbita de Marte.

O principal objetivo do módulo cuja chegada a solo marciano ainda não pôde ser oficialmente anunciada, será a recolha de dados que permitam à segunda parte da missão Exomars, agendada para 2020, enviar um veículo explorador para a superfície do planeta.

“Marte é o planeta mais próximo de nós, onde encontramos algumas situações que são talvez boas para a existência de vida. Houve uma atmosfera melhor do que hoje, diferentes temperaturas, melhores temperaturas e também água líquida – por isso, se há vida no nosso sistema solar além da terra, então Marte é o planeta mais interessante. “

A ESA recebeu a confirmação de que a manobra complexa em órbita do TGO decorreu bem e uma explosão de aplausos soou na sala de controlo instalada em Darmstadt, na Alemanha.

Os cientistas estão agora a processar as informações enviadas pela sonda mars Express sobre as condições da chegada do módulo Schiaparelli ao solo marciano. A análise dos dados, informa a ESA, não será concluída de imediato.

O enviado da Euronews comenta: “Há um certo sentido de missão incompleta aqui no centro de operações da ESA, na Alemanha. Mas nós temos a boa notícia de que o TGO entrou em órbita em torno do planeta vermelho e vai ser muito útil para a ciência nos próximos anos.”

naom_5804dd7f039db.jpg

As entidades reguladoras norte-americanas indicam 28 laboratórios diferentes onde se pode testar as baterias.

Enquanto a Samsung continua a recolher os Galaxy Note 7 presentes no mercado, continuam a surgir detalhes que dão uma ideia do processo de desenvolvimento do smartphone. Os recentes surgiram do The Wall Street Journal, que avança com a informação que todas as baterias foram testadas pela própria Samsung.

Apesar de a tecnológica sul-coreana garantir que durante a fase de testes não apresentou qualquer problema que indicasse a necessidades de cuidados maiores, as entidades reguladoras apontam que os testes a baterias devem ser feitos por meios independentes.

“Para vender smartphones através de operadoras norte-americanas os fabricantes devem testar as baterias de smartphones em 28 laboratórios certificados pelo grupo de comércio da indústria sem fios dos EUA, a CTIA, para garantir o cumprimentos com os standards estanbelecidos pelo Instituos de Engenheiros Elétricos e Eletrónicos”, pode ler-se no The Wall Street Journal.

A publicação norte-americana aponta ainda a Samsung como “a única fabricante que usa instalações para testes de baterias”. Enquanto recorrer a entidades independentes não garantiria que os Galaxy Note 7 ficasse livres de problems, é provável que fosse possível submeter o dispositivo a testes mais amplos.

naom_56093cfca86e3.jpg

Foi integrado um atalho na aplicação que permite enaltecer áreas que estejam congestionadas com trânsito.

Para além de o ajudar oferecendo-lhe as melhores rotas para determinado destino, o Google Maps quer ajudá-lo a poupar ainda mais tempo com a introdução de uma nova funcionalidade que o avisa para rotas congestionadas com trânsito.

A funcionalidade recebeu o nome de ‘Traffic Nearby’ e está disponível na versão 9.39 da aplicação, oferecendo um atalho que enaltece automaticamente as zonas com circulação mais limitada. Como nota o The Next Web, a funcionalidade pode ser ativada mesmo que não tenha introduzido qualquer destino.

Se for um utilizador frequente do Maps e quiser estar sempre atualizado do estado do trânsito, pode até ter o atalho do ‘Traffic Nearby’ disponível diretamente na sua página principal do smartphone. De momento a opção apenas está disponível na versão Android do Maps, não havendo qualquer indicação quanto ao lançamento da versão iOS.

naom_5804a80930d44.jpg

A ‘empresa da maçã’ está a tornar-se cada vez mais apelativa para o segmento mais jovem de consumidores.
Além de equipamentos topo de gama, a Apple é também uma empresa incontornável no que diz respeito à ‘pop culture’, sendo também capaz de influenciar todo o mercado tecnológico. Se acha que a influência da ‘empresa da maçã’ não podia ser maior então engana-se, uma vez que há cada vez mais consumidores interessados em adquirir um iPhone.

De acordo com um inquérito levado a cabo pela Piper Jaffray em outubro a dez mil adolescentes norte-americanos com a idade média de 16 anos, foi apurado que 79% dos inquiridos planeava adquirir um iPhone como seu próximo smartphone. Foi ainda verificado que 74% dos inquiridos já tinha um smartphone da Apple na altura do inquérito.

Comparando com números do último inquérito sobre o mesmo assunto feito pela Piper Jaffray em abril, nota o Cnet que na altura 75% dos 6,500 inquiridos afirmaram que planeavam adquirir um iPhone como o seu próximo dispositivo móvel. Nesta altura 69% admitiu que tinha um iPhone.

naom_57fb6ddaa802e.jpg

A utilização do modelo defeituoso continua tão alta como a do período onde teve início a primeira recolha.

Seria de esperar que o apelo da Samsung para os detentores do Galaxy Note 7 desligarem os dispositivos fosse suficiente para que os consumidores seguirem a indicação. Afinal, parece que nem um risco para a sua segurança é suficiente, com a utilização das unidades ainda disponíveis no mercado a continuarem altas.

De acordo com dados publicados pelo Apteligent, a utilização está ao mesmo nível da verificada no dia 2 de setembro, a mesma altura em que arrancou a primeira fase de recolha por parte da Samsung. Porém, o número de utilização mais alto foi verificado no dia 10 de outubro, quando começaram a aparecer os primeiros relatos de explosões dos modelos de substituição, pode ler-se no Business Insider.

O relatório aponta que cerca de 40% dos detentores de um Note 7 continuam a utilizar o smartphone, um valor demasiado alto para garantir que não voltam a ter lugar explosões ou não estão pessoas em risco. Entretanto continua em andamento a recolha das duas versões do Galaxy Note 7 lançadas no mercado, com os dispositivos a terem sido banidos dos voos de várias companhias áreas de modo a impedir acidentes aéreos.

PROGRAMAÇÃO DE TV

Câmbio do Dia

Moeda Compra Venda
EUR 74.12 75.61
USD 70.06 71.46
ZAR 5.20 5.30
Fonte: BCI, 24 de Fevereiro de 2017

Telefones Úteis

Por provincia

Assista a emissão em directo:

tvm1 smalltvm2 small