Screen_Shot_2016-09-27_at_3.30.38_PM.png

Um agente da Polícia da República de Moçambique, sob efeitos de álcool, alvejou a tiro um cidadão em plena via pública na cidade de Quelimane.
O caso deu-se durante o fim-de-semana no Centro Social AGRICOM, um bar da cidade.
O polícia alega que teria feito em legítima defesa porque o cidadão baleado tentou agredi-lo fisicamente.

terça, 27 setembro 2016 15:52

Garimpo ilegal agudiza fome em Montepuez

Screen_Shot_2016-09-27_at_3.31.04_PM.png

A prática do garimpo ilegal está a provocar fome, no posto administrativo de Namanhumbire, distrito de Montepuez.
A população em causa, vive na aldeia Ntoro, localizada dentro do traçado da mina pertencente a empresa Rubi Mining.

Screen_Shot_2016-09-27_at_3.32.01_PM.png

Sector da Saúde, em Inhambane, adquire 20 motorizadas-ambulâncias para os distritos de Inharrime, Massinga e Maxixe.
Os novos meios circulantes custaram aos cofres da direcção provincial da Saúde 10 milhões de meticais.

2ced225a-639e-4e63-90d1-e58d81dbcc75.jpg

Arranca daqui a 3 meses a montagem dos equipamentos de produção de gás, no distrito de Búzi, sul de Sofala.
As máquinas estão a ser importadas da Indonésia e devem chegar em breve ao porto da Beira.

PRM-detém-supostos-assaltantes-à-mão-armada-em-Maputo.gif

5 Indivíduos indiciados de perpetrar roubo nas residências estão detidos na 2ª esquadra da PRM, na cidade de Xai-Xai, em Gaza.
Durante a neutralização do grupo, a polícia recuperou vários bens com destaque para electrodomésticos e roupa diversa.

img008115-135-20150904-104813.jpg

Um curandeiro de nacionalidade ugandeza foi detido pela PRM em Tete, indiciado de burla e falsificação de documentos.
O suposto criminoso, foi surpreendido pela corporação quando tentava enganar mais uma vítima.
Na altura o indiciado estava na posse de 300 mil meticais.

anticonseptibods.png

O uso de contraceptivos modernos por mulheres casadas duplicou no país, de 11% para 25%, no período 2011 – 2015.
A percentagem global de mulheres da idade sexualmente activa que usam todos métodos contraceptivos situa-se em 27 % por um universo de 7 mil mulheres.

image_1474833604_95412029.jpg

Dezenas de jordanos condenaram, esta segunda-feira, nas ruas de Amã, o assassinato, na véspera, de um escritor cristão à porta de um tribunal onde era julgado por ter partilhado uma caricatura considerada ofensiva para o Islão.

O homicídio de Nahed Hattar foi classificado de “crime odioso” pelo governo e segundo a imprensa o autor do crime será um antigo imã, que já foi detido pelas autoridades.

Para um habitante de Amã, se o escritor “cometeu um erro, cabe ao Estado puni-lo. Ninguém tem o direito de matar outro ser humano. Ninguém tem o direito de fazer justiça pelas próprias mãos e começar a matar outras pessoas na rua”.

Conhecido por apoiar o regime de Bashar al-Assad, na Síria, Nahed Hattar, de 55 anos, foi baleado junto ao tribunal onde estava a ser julgado por ter publicado uma caricatura de um muçulmano na cama com duas mulheres, no paraíso, pedido a Alá que lhe servisse vinho. Para o escritor, a caricatura era uma crítica aos “terroristas e à forma como imaginam Deus”.

un-politics_5.jpg

O secretário-geral das Nações Unidas apelou às potências mundiais para que se empenhem para “acabar com o pesadelo” na Síria, onde os ataques nos últimos dias causaram perto de 150 mortos.

Os Estados Unidos denunciaram no Conselho de Segurança que aviões militares russos e sírios lançaram nos últimos três dias pelo menos 158 ataques aéreos contra a zona leste de Alepo, numa ofensiva “sem precedentes”.

Samantha Power denunciou que enquanto os Estados Unidos e a Rússia negociavam em Nova Iorque um prolongamento da trégua que terminou na passada segunda-feira, aviões russos e sírios atacaram três das quatro bases dos “capacetes azuis” no leste de Alepo, que prestam assistência a vítimas civis dos bombardeamentos.

Power acusou a Rússia de “abusar do privilégio” de ser um dos cinco países com direito de veto no Conselho de Segurança da ONU para travar ações mais firmes contra o regime sírio pela “matança” que se verifica na Síria. “O que a Rússia está a fazer não é combater o terrorismo, mas sim uma barbárie”.

O embaixador da Rússia nas Nações Unidas, Vitaly Churkin, disse ao Conselho de Segurança que a paz na Síria é “uma tarefa quase impossível no momento”. “Mais de 200 mil pessoas em Aleppo tornaram-se prisioneiras dos grupos terroristas, Jabhat al-Nusra e outros grupos. Eles estão a usar mulheres e crianças como escudos humanos. Ataques aéreos são usados apenas contra posições dos militantes e com a laser bombas guiadas”.

O embixador do Reino Unido na ONU declarou: “Eles estão a sofrer ataques sem precedentes. É difícil negar que a Rússia mantém uma parceria com o regime sírio para realizar crimes de guerra. “

A Rússia e os Estados Unidos, que apoiam lados opostos na guerra civil síria, têm tentado resgatar um acordo de cessar-fogo que foi pelos ares depois que um comboio de apoio foi alvejado na última semana.

nmplaadp.jpg

Em Nampula, as cerimónias do dia 25 de Setembro foram marcadas por repúdio aos ataques da Renamo e apelos para 0 aumento
da produção.
Na ocasião as Forças de Defesa de Moçambique reiteraram o compromisso de continuar a preservar a Paz e a soberania nacional.

PROGRAMAÇÃO DE TV

Câmbio do Dia

Moeda Compra Venda
EUR 69.81 71.20
USD 59.25 60.43
ZAR 4.34 4.43
Fonte: BCI, 11 de Dezembro de 2017

Telefones Úteis

Por provincia

Assista a emissão em directo:

tvm1 smalltvm2 small