I5E6RTHEAWYdr6udrj.jpg

“Plantas Alimentares e Medicinais em Moçambique” é título de um livro lançado pelo Ministério da Saúde.
Produzida pela equipa de investigação do Instituto de Medicina Tradicional, a obra vai contribuir para a melhoria da dieta alimentar e da saúde dos moçambicanos.
De entre as plantas apresentadas na obra literária encontram-se algumas que curam doenças crónicas como a hipertensão. Outras minoram o impacto das doenças degenerativas.

Banco_Mundial_vai_desembolsar_400_milhões_de_dólares_para_dinamizar_economia_rural.jpg

Cerca de 400 Milhões de dólares Norte Americanos serão investidos nos próximos anos no país pelo Banco Mundial em iniciativas que estimulem a economia rural e desenvolvimento de cadeias de valor sustentável agrícolas e florestal.
Melhoria das vias de acesso as zonas de maior produção e de comercialização, reposição das áreas florestais degradadas foi anunciado pelo representante do Banco Mundial esta sexta-feira, no acto do lançamento do projecto integrado de Agricultura e Recursos naturais, SUSTENTA.

ejthhtjrtddhfdfhdt.jpg

Presidente da República inaugurou este Sábado, em Nacala uma fábrica de produção de estruturas metálicas.
O empreendimento é de capitais portugueses e tem como visão estratégica alimentar o projecto de gás natural da Bacia do Rovuma.
Filipe Nyusi disse que Moçambique tem vindo a ser destino preferencial de grandes investimentos porque os accionistas acreditam e confiam no ambiente político e económico prevalecente no país.

img053793-135-20170130-110931.jpg

Presidente da República, Filipe Nyusi, procedeu esta sexta-feira, em Ribaué, Província de Nampula ao lançamento do Programa de Desenvolvimento Integrado de Agricultura e Recursos Naturais, SUSTENTA.

Financiado pelo Banco Mundial, SUSTENTA vai abranger produtores rurais de todo o país e numa primeira fase inicia com 10 distritos da província de Nampula e Zambézia, distribuídos em 5 cada.

SUSTENTA tem a duração de 5 anos e pretende apoiar a produção agrícola e respectiva cadeia de valor. 

mnprcnf.jpg

A viatura que transportava a droga em causa, teve que regressar com o produto depois de quase duas horas de negociações para o efeito.

O Conselho Municipal da Cidade de Maputo diz que não tomou conhecimento para o efeito junto do Ministério do Interior.

cjcmrrc.jpg

Cabo Delgado supera meta na comercialização da castanha de cajú, ao vender mais de 21 mil toneladas desta amêndoa, contra 16 mil estabelecidas para a campanha 2016/2017.

Melhor articulação entre os actores no processo e o preço médio praticado, contribuíram para a superação da meta.

Recorde-se que Moçambique pretende recuperar a posição de um dos maiores produtores da Castanha de Cajú.

sexta, 17 fevereiro 2017 16:38

Mavago no Niassa já vai ter água potável

mvgabst.jpg

Mais de 2 mil pessoas do distrito de Mavago, província do Niassa, vão passar a beneficiar de água potável com a construção de 8 fontes de abastecimento do precioso líquido.

Para efeito, o Governo do Japão disponibilizou esta sexta feira, oitenta e três mil e trezentos dólares norte-americanos para financiar o projecto.

chipacpnt.jpg

Já está em curso um estudo de viabilidade técnica para a construção de uma ponte de betão sobre o rio Chipaca, entre a cidade de Quelimane e o Posto Administrativo da Madal, província da Zambézia.

O Delegado Provincial da Administração Nacional de Estradas da Zambézia, Moisés Nunes, disse que é intenção do governo substituir a infra-estrutura metálica por uma ponte de betão, para evitar sucessivos desabamentos e consequente perca de vidas humanas.

sexta, 17 fevereiro 2017 16:38

Dineo faz 900 acomodados na Maxixe

D5444F91-2782.png

Mais de 900 pessoas vítimas de Ciclone Dineo vivem em Centro de Acomodação na cidade de Maxixe.

A maior parte das vítimas vivia na orla marítima e as residências foram destruídas por ondas gigantes das águas da Baía de Inhambane. 

Mais de 900 pessoas vítimas de Ciclone Dineo vivem em Centro de Acomodação na cidade de Maxixe.

A maior parte das vítimas vivia na orla marítima e as residências foram destruídas por ondas gigantes das águas da Baía de Inhambane. 

sexta, 17 fevereiro 2017 09:58

Empresário raptado na Matola

tr5j5y65etrertetrhtrj.jpg

INDIVÍDUOS desconhecidos raptaram na manhã de hoje o director-geral da empresa Pembe Mozambique, Limitada, sediada na Machava, na cidade da Matola, província de Maputo.

A vítima, Taibo Macabel, de 34 anos de idade, de nacionalidade queniana, na altura do rapto encontrava-se na sua viatura e em movimento, quando os supostos raptores lhe bloquearam os movimentos com dois carros.Os indivíduos em causa, empunhando uma arma de fogo do tipo AK 47 e um martelo, forçaram a vítima a introduzir-se na sua viatura e a seguir viagem para parte incerta com os supostos meliantes.

Segundo Juarce Marce Martins, chefe do Departamento de Relações Públicas da Polícia da República de Moçambique, afecto à província de Maputo, a corporação teve acesso à informação a partir de uma denúncia de transeuntes que assistiram ao acto no local.

Martins disse que a instituição já entrou em contacto com a família e com a empresa na qual trabalha, com vista a obter informações sobre possíveis contactos com os presumíveis autores do rapto. Contudo, ainda não foram colhidos nenhuns dados.

A nossa fonte destacou que várias unidades da polícia já estão a trabalhar no terreno com vista a resgatar a vítima, identificar os autores, bem como responsabilizá-los pelo crime.

A PRM exorta qualquer cidadão que tenha alguma pista sobre o assunto a que se aproxime das autoridades policiais a fim de dotá-la de mais detalhes que possam ajudar a esclarecer o caso.

 

Fonte: Jornal Noticias

Link: http://www.jornalnoticias.co.mz/index.php/sociedade/65252-empresario-raptado-na-matola.html

PROGRAMAÇÃO DE TV

Câmbio do Dia

Moeda Compra Venda
EUR 73.87 75.35
USD 70.06 71.46
ZAR 5.11 5.21
Fonte: BCI, 22 de Fevereiro de 2017

Telefones Úteis

Por provincia

Assista a emissão em directo:

tvm1 smalltvm2 small